Aprovação de Luciano Huck para eleições 2018 sobe para 60%, segundo pesquisa

Estudo do Instituto Ipsos, empresa de pesquisa e inteligência de mercado do mundo, divulgado nesta quinta-feira (23), pelo jornal ‘O Estadão de São Paulo’, mostra que aprovação do apresentador Luciano Huck, da TV Globo, para eleições presidenciais 2018 subiu 17 pontos percentuais. A aceitação popular de Huck aumentou com relação à pesquisa feita no primeiro semestre deste ano, de 43% para 60%.

Segundo a pesquisa, o candidato que tem índices de aprovação próximos ao de Luciano, e vai participar do pleito, é o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), com 43% de aprovação popular.

O apresentador ainda não confirmou abertamente que fará parte da disputa pelo Planalto, mas já se pronunciou, em artigos sobre o assunto, como interessado em participar mais da política nos próximos anos.

De acordo com a coluna ‘Radar On-Line’, caso o apresentador saia candidato nas eleições 2018, será excluído do quadro de funcionário da Globo, assim como sua esposa, Angélica, que apresenta um quadro no Vídeo Show.

Confira o resultado da pesquisa:

1º) Luciano Huck, apresentador de TV – 60%
2º) Sergio Moro, juiz federal – 50%
3º) Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente (PT) – 43%
4º) Joaquim Barbosa, ex-presidente do STF – 42%
5ª) Marina Silva, ex-senadora (Rede-AC) – 35%
6ª) Cármen Lúcia, presidente do STF – 26%
7º) Jair Bolsonaro, deputado (PSC-RJ) e Geraldo Alckmin, governador de São Paulo (PSDB) – 24%
9º) Ciro Gomes, ex-governador do Ceará (PDT) – 21%
10ª) Dilma Rousseff, ex-presidente (PT) – 20%
11º) João Doria, prefeito de São Paulo (PSDB) – 19%
12º) José Serra, senador (PSDB-SP) – 17%
13º) Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente (PSDB) – 16%
14º) Edson Fachin, ministro do STF – 13%
15º) Deltan Dallagnol, procurador da República – 9%
16º) Fernando Haddad, ex-prefeito de São Paulo (PT) e Henrique Meirelles, ministro da Fazenda (PSD) – 7%
18º) Rodrigo Maia, presidente da Câmara (DEM-RJ) – 6%
19º) Aécio Neves, senador (PSDB-MG) – 5%
20º) Michel Temer, presidente (PMDB) – 4%
21º) Renan Calheiros, senador (PMDB-AL), Eduardo Cunha, ex-deputado (PMDB-RJ) e Gilmar Mendes, ministro do STF – 3%

COMPARTILHAR