Auto escolas buscam apoio da Desenbahia

Dirigentes de Auto Escolas se movimentam para buscar alternativas para o segmento, também afetado pela crise econômica nacional.

Acompanhados do ex-diretor geral do Detran, Maurício Bacelar, representantes da Asbrac (Associação Brasileira dos Proprietários dos Centros de Formação de Condutores), se reuniram com o presidente da Desenbahia (Agência de Fomento do Estado da Bahia), Paulo Costa, na sexta(25).

Segundo Etevaldo Lima, presidente da Asbrac, a categoria saiu otimista da reunião. “Estamos na expectativa para que, em breve, consigamos nos reunir com os técnicos da Agência”. Para Maurício, o órgão será fundamental no processo.”A ideia é identificarmos novos caminhos para o setor responsável pela formação dos condutores no estado”, frisou.

COMPARTILHAR