Bolsonaro e Renata Vasconcelos batem boca no Jornal Nacional

No momento mais quente da entrevista com Bolsonaro no Jornal Nacional, a apresentadora Renata Vasconcelos indagou-lhe sobre a frase dele dita na Rede TV, no programa de Luciana Gimenez: “Eu não empregaria [mulheres e homens] com o mesmo salário. Mas tem muita mulher que é competente”.

Bolsonaro negou o que havia dito e retrucou dizendo que ela provavelmente ganhava menos do que Bonner. O apresentador da Globo tentou intervir, mas Renata Vasconcelos não permitiu e entre outras coisas disse ao candidato do PSL que ela como cidadã podia lhe fazer tais questões porque pagava com impostos o salário dele e que o contrário não acontecia.

A apresentadora ainda acrescentou que não aceitaria ganhar menos que outro homem exercendo as mesmas funções. “Meu salário não diz respeito a ninguém, o que posso dizer é que, como mulher, não aceitaria receber um salário menor de um homem que exercesse as mesmas funções e atribuições que eu”, disse Renata.

O candidato à presidência pelo PSL, Jair Bolsonaro, é o entrevistado desta terça-feira (28) no Jornal Nacional, que nesta semana recebe os cinco presidenciáveis mais cotados nas pesquisas, vetando o ex-presidente Lula. Ontem Ciro Gomes (PDT) esteve na bancada.

COMPARTILHAR