Justiça ordena afastamento de prefeito de Madre de Deus do cargo

A Justiça afastou o prefeito de Madre de Deus, Jeferson Andrade (DEM), do cargo nesta quarta-feira (11). A decisão foi do juiz Glauco Dainese Campos, da 7ª Vara da Fazenda Pública de Salvador. O Ministério Público da Bahia (MP-BA) havia ajuizado uma ação civil pública por improbidade administrativa.

Além do prefeito, o magistrado ordenou também o afastamento do vereador Anselmo Duarte Ambrozzi da Silva e dos servidores Adailton Cosme dos Santos, Tânia Maria Pitangueiras de Jesus e Jibson Coutinho de Jesus.

“Isso porque os fatos narrados nestes autos dão conta, em tese, de condutas ilícitas e imorais para desvio de dinheiro público envolvendo o Prefeito Municipal de Madre de Deus, Vereador e servidores Municipais”, diz o juiz.

COMPARTILHAR