PGE recebe Prêmio IEL de Estágio – 2018

A Procuradoria Geral do Estado da Bahia foi agraciada pelo Instituto Euvaldo Lodi/ Núcleo Regional – IEL/BA com o Prêmio IEL de Estágio – 2018. A PGE ganhou na categoria Prêmio Órgão Destaque, subcategoria órgão público.

A premiação, que ocorreu ontem (01), em uma solenidade realizada na Federação das Indústrias do Estado da Bahia – FIEB, em Salvador – BA, reconhece as empresas que possuem boas práticas de gestão de contratos de estágio, atração, desenvolvimento e retenção de estagiários a partir das evidências apresentadas pela empresa.

Foram considerados como critérios de avaliação: Atração de Estagiários – Estratégias de disseminação dos programas, condução do processo de recrutamento e seleção, políticas de contratação, entre outros ; Desenvolvimento de Estagiários – Planejamento de ações de treinamento, desenvolvimento e educação, avaliações periódicas e acompanhamento do estagiário; Retenção de estagiários – Ações que visem à permanência do estagiário durante o período de estágio e abram possibilidades para contratações posteriores à vigência do estágio.

A PGE participou do concurso com o Programa de Estagio de Pós Graduação em Direito (PEPGD).

O programa

O PEPGD é um programa educacional concebido e executado por um órgão jurídico, que é o Escritório de Advocacia do Estado da Bahia, suas autarquias e fundações. Foi engendrado por técnica de gestão de projetos e, por esta razão, resultou de um trabalho de equipe, envolvendo, na PGE, especialmente, o Centro de Estudos e Aperfeiçoamento, a Diretoria Geral e grupo de trabalho integrado por procuradores e servidores de todas as áreas da organização.

“Nossos procuradores orientadores e instrutores, desde a implantação do programa, fizeram diferença, demonstrando dedicação para acompanhamento prático e teórico dos estagiários, o que os têm levado a se tornar trainees de Advocacia Pública”, afirmou a procuradora chefe do CEA, Alzemeri Martins Ribeiro de Britto.

A procuradora explicou ainda que o IEL, parceiro desde a criação do programa, também teve papel fundamental para a sensibilização e esclarecimento das IES’s acerca do programa e para o suporte de desenvolvimento de carreira dos estagiários, começando por sua seleção e seguindo por seu acompanhamento por meio do coaching.

“Trata-se de um conjunto de atores que recebem juntos o reconhecimento de um esforço realizado em prol da sociedade baiana”, declarou.

COMPARTILHAR